Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ups, I have a home to care

Ups, I have a home to care

30
Abr18

Passatempo Dia da Mãe


Ups! I have a home to care

aeProduct.getSubject()

Está a decorrer mais um passatempo no blog :)

Habilita-te a ganhar o relógio da foto. Para isso basta que preenchas corretamente os campos obrigatórios do formulário abaixo e ainda os campos facultativos caso queiras obter entradas extra no sorteio.

 

O passatempo começa agora e termina dia 10 de Maio às 23:59.

 

Boa sorte!

 

30
Abr18

Um bichinho chamado Piolho


Ups! I have a home to care

Este não é um post com um título bonito. Tal como não é bonito quando as nossas crianças trazem da escola um bilhetinho a avisar que há meninos na escola com pediculose. Pediculose? Piolhos?! E sabem o que ainda é pior? Encontrarmos destes bichinhos no cabelo dos nossos filhos.

Ter piolhos não é sinónimo de falta de higiene. Não de todo! E torna-se muito incomodativo, causando imensa comichão. E quando não detetados logo de início, propagam-se muito rápido.

É muito comum nas crianças, quase todas as crianças num momento ou outro "apanham" piolhos. É natural nas crianças, elas brincam umas com as outras e o contacto direto da cabeça é suficiente para que esta praga arranje nova cabeça para habitar. Nas escolas ocorre muito a partilha de chapéus, e isso é suficiente.

No caso da minha filha, o facto de ter eczema atópico, faz com que tenha uma maior facilidade de contágio.

 

Como detetar e tratar?

Devemos observar cuidadosamente o couro cabeludo ao primeiro alerta, seja ele um bilhetinho da escola ou uma comichão frequente. Os locais mais propícios para estes bichinhos é a nuca e atrás das orelhas.

Logo que se detete a presença de piolhos ou lêndeas é muito importante começar o tratamento de desinfestação.

Deve sempre procurar junto do seu farmacêutico, ou se for mesmo necessário num dermatologista, o champô ou loção mais apropriado. A este tratamento deve-se acrescentar ainda um pente específico para estes bichinhos. Há lêndeas e piolhos que conseguem resistir ao champô e o pente torna-se uma ajuda valiosa.

Muito importante, e para que todo o tratamento não seja em vão, toda a roupa de cama da criança, pijama e até o peluche com que dorme sempre abraçado devem ser lavados a temperatura nunca inferior a 60ºC.

Na maioria dos champôes e loções o tratamento deve ser repetido após alguns dias para erradicar os bichinhos resistentes.

 

Além dos tratamentos há ainda a opção de adquirir um pente eletrónico. Acreditem, na minha opinião, para quem tem filhos, este é um equipamento absolutamente essencial.

O importante é entendermos e fazermos o nosso filho entender que é normal ser contagiado por piolhos. Não significa que haja falta de higiene. Portanto não devem entrar em pânico quando são contagiados, muito menos ainda troçar de algum colega que esteja com piolhos.

 

 

28
Abr18

Álbum fotográfico - turistando pela Suiça


Ups! I have a home to care

cats.jpg

Vista no cume dos Alpes de Friburgo 

 

Já faz uns meses da minha viagem à Suiça. Dos Alpes de Friburgo às ruas de Bern. Fiquei maravilhada. Com tudo. As belíssimas paisagens, com extensos mantos verdes sem ponta de árvores queimados. As vacas na sua pastagem por todos os Alpes, as vibrantes ruas de Bern, a cultura, a educação das pessoas. Vim apaixonada.

Hoje a olhar o álbum fotográfico fui invadida por uma saudade desta pequenina mas maravilhosa semana passada na Suiça.

 

cats.jpg

 Subida para o teleférico dos Alpes

 

 

cats.jpg

 Arena de Gladiadores na cidade de Avenches

 

 

cats.jpg

Vitrine de uma chocolateria em Bern

 

 

cats.jpg

Uma das mais de 20 belíssimas fontes espalhadas pela cidade de Bern

 

São algumas das centenas de fotos que tirei, mais de metade delas só em Bern.

Fiquei fascinada e ficou ainda tanto por ver. Quiçá numa próxima viagem.

27
Abr18

Na minha varanda é...


Ups! I have a home to care

 

...Primavera. É esta a minha vista sempre que venho à varanda. A Primavera no seu ponto mais alto, esta árvore está bem na frente da minha varanda então embeleza-me a paisagem, no entanto a rua está cheia de árvores iguais, completamente floridas.

É Primavera e eu adoro.

26
Abr18

Malas há muitas


Ups! I have a home to care

De preferência bolsas estruturadas e geométricas, com bordados ou mesmo apliques, estão completamente in nesta estação.

É uma tendência que irei adotar, com conta peso e medida, sem nada de exageros nos apliques ou bordados.

Este tipo de acessórios cai bem com looks mais neutros e discretos, onde a bolsa se torna a peça chave e a realçar.

 
 
 
 
 
 
 

 

22
Abr18

Antes e depois da maternidade


Ups! I have a home to care

Já sou mãe à dez anos, dez...

Não trocava a minha família por nada deste mundo, não mudava nada do que vivi, as decisões que tive de tomar sendo que a mais importante delas foi a de assumir o papel de mãe.

Mas inevitavelmente dou por mim a comparar o antes e o depois. A maternidade transforma-nos, é mesmo verdade. Não é apenas uma frase num poster qualquer colado algures, é a verdade da vida.

Transforma-nos enquanto mulheres, a forma como encaramos a vida, torna-nos mais sensíveis e ainda assim mais fortes que nunca. Transforma-nos em leoas dispostas a mostrar as garras caso alguém se meta com a nossa cria. 

Bem sei que a maternidade não é vivida de forma igual pelas mulheres. Há quem adore, há quem fique de cabelos em pé, e há mesmo quem não se reveja no papel, não se sentindo capaz ou noutros casos até há quem não goste de assumir o papel de mãe.

A verdade é que gostando ou não de assumir o papel a nossa vida nunca mais será a mesma.

b1df9470efacd90fed8e62623441d4c5.png

Free images by pngtree.com

 

#1 - 👜 A tua mala nunca mais será só tua

Sempre que precisares de tirar a carteira da mala vais tirar primeiro uma embalagem de toalhitas, uma chucha de reserva, um brinquedo para o caso de ele chorar, 2 ou 3 lenços amachucados que guardaste na mala depois de lhe limpares o nariz, e lá no fundinho finalmente encontras a carteira.

 

#2 - 🔋 Bateria fraca

A tua e a do telemóvel. Vão haver dias em que te vais sentir um verdadeiro zombie a deambular pela casa. Vais dar por ti a pensar que estás tão cansada, como é que a energia dele não acaba nunca. Vais andar a meio gás, a dormitar pelos cantos, a aproveitar cada minutinho de sesta. E depois, depois começas tu a ganhar bateria e o teu telemóvel a perdê-la. Nunca mais conseguirás fazer um dia completo sem ter de dar um pouco de carga ao telemóvel a meio do dia. São as músiquinhas infantis do youtube para o entreter enquanto come a papa, as músicas do Panda e os filmes do Noddy. São os jogos para aprender as cores e os sons dos animais. Haja bateria, para ti e para o telemóvel.

 

#3 - 👪 O meu filho não fará birras

Admitam, quantas vezes viam uma criança no supermercado a fazer uma grande birra e deram por vocês a pensar "quando tiver um filho não o deixarei fazer birras".

Balelas meus amigos, balelas.

Eles farão birras, todas as crianças fazem birras, nós também as fizemos. Faz parte deles, da forma de se expressarem. Agora sim, cabe-nos a nós, dizer Não!, porque o não educa, cabe-nos a nós impôr limites às birras. Como sabem trabalho num supermercado e vejo cada birra que me deixa boqueaberta. Meninos já crescidinhos, querem falar mais alto que os pais, tratam-nos mal, pontapeiam. Isso para mim não é birra, é mesmo má educação.

Mas acreditem, sim irão haver birras. Há sempre.

 

#4 - 🛀 Casa limpa não é sinónimo de casa arrumada

Jamais voltarás a ter a casa arrumada. Estará limpa, sem pó nos móveis e os tapetes aspirados, os vidros espelham tanto que ele vai querer esfregar lá as mãozitas cheias de papa. Mas haverá brinquedos, muitos brinquedos por todo o lado. E os blocos de construção (os famosos Leggo) espalhados no chão. Aí sim vais sentir a pior dor à face da terra quando descalsa pisares uma dessas pecinhas, a verdadeira tortura. Vais-te sentar no sofá para descansares 5 minutinhos e darás conta de um brinquedo debaixo do teu rabo a soltar uma música estridente qualquer, apressas-te a desligá-lo antes que o bebé acorde.

Terás visitas que vão dizer que os seus filhos não desarrumam nada. São super bebés, seres vindos de outro planeta cuja ciência ainda não conseguir alcançar para fazer pesquisas. As crianças brincam, e para brincar desarrumam. Têm é de aprender, na devida idade, a guardar de volta o que desarrumaram.

 

#5 - 👗 Outfit mãe em ação

Cabelos meios penteados, meios por pentear, presos num rabo de cavalo. As primeiras calças de ganga que te vieram à mão e ups!, já na rua reparas que tem uma mancha resultante da luta que foi fazê-lo comer a sopa ao almoço. Paciência, ninguém vai reparar (pensas tu).

Ou até te aperaltas toda para sair, mas nunca conseguirás chegar a casa com a roupa imaculada. Reza até para que nenhuma alma bendita se lembre de lhe oferecer um chupa. Aí dás em doida. Ele vai ficar todo besuntado e vai fazer questão de te besuntar também, cabelo, roupa nada sobreviverá ao atentado do chupa.

 

#6 - 👶 Secção infantil

Esta é sem dúvida a maior alteração. 10 anos depois de ser mãe continuo com a secção infantil cravada em mim. Mal entro numa loja é a primeira secção a visitar. Posso entrar numa loja com a vontade/necessidade de comprar alguma coisa específica para mim, mas vou sair de lá com um bacio que dá música sempre que ele fizer xixi no bacio, mais um ou dois vestidos floridos e com folhinhos, uma bandolete com um laço enorme, umas meias até ao joelho tão lindas, e ups! o que é que eu vinha comprar para mim?

 

#7 - 🙅 Vais passar a adorar baloiços e parques infantis

Este será o teu passeio diário, ali ele nem se vai lembrar que tem mãe. Quer é brincar, correr, saltar, espernear, sujar-se. Ali ele pode tudo. Enquanto isso conversas com os pais que estão no parque e começas um concurso para desobrir qual o bebé que faz mais cocós.

 

#8 - 🧟‍♀️Dormir até tarde, nunca mais

Bem, isto de dormir até tarde nunca mais enquadra-se nas mães que dormem verdadeiramente. Aquelas que passam a noite acordada por causa dos seus bebés, força, estou convosco. 

 

#9 - 💩 Perito de cocós

Não pelas conversas que tens no parque com os outros pais, mas porque na verdade tornas-te um perito a analisar os cocós do teu bebé. Nunca mais vais abrir uma fralda sem analisar se está tudo bem.

 

#10 - 📷 1000 fotos do bebé, 1 tua

São fotos da primeira papa, o primeiro dente, o primeiro cocó no bacio, a chorar, a rir, sentado, a dormir. Num ápice terás a memória do telemóvel cheia com fotos deste pequeno ser. Terás de percorrer toda a galeria para conseguires achar uma foto tua, mais raras ainda serão as fotos tuas sem umas olheiras taé aos queixos.

 

#11 - 🚾 Plateia na casa de banho

Nunca mais te irás sentir sozinha no WC, terás sempre plateia a assistir, a olhar para ti e fazer perguntas enquanto tu só querias fazer o teu xixi sossegada.

 

#12 - 🍭 Comer doces às escondidas

Não é o bebé, és mesmo tu. Vais dar por ti, fechada na despensa a comer doces às escondidas dele. São todas tuas, não vais partilhar nada com ele.

 

Mas são todas essas peripécias e muitas mais que nos tornam cada vez mais unidos. É tudo isso que faz com que o amor entre mãe e filho cresca mais a cada dia.

 

20
Abr18

Waffles de baunilha


Ups! I have a home to care

cats.jpg

 Ingredientes (para aproximadamente 10 waffles):

125gr manteiga a temperatura ambiente;

100gr açúcar;

1 colher de café de essência de baunilha;

2 ovos;

250gr farinha

200ml de leite

 

Preparação:

Bater bem os ovos. Misturar o açúcar e a manteiga e mexer até ficar homogéneo.

Adicionar a essência de baunilha e a farinha.

Depois de bem mexido acrescentar o leite.

Tornar a massa homogénea. Depois é só ir vertendo porções do preparado na máquina de waffles.

Usei como topping framboesas e polvilhei com açúcar em pó.

Nham nham.

18
Abr18

Esponja mágica - a invenção do século


Ups! I have a home to care

Foi amor à primeira vista. Vi aquela embalagem sozinha, solta num canto da prateleira do supermercado e decidi dar-lhe um lar. O nome diz tudo, é mágica, faz magia. 

Na altura tinha a minha filha um a dois anos, estava naquela fase de Picasso e adorava espalhar todo o seu talento pelas paredes de casa. Eu, andava armada em dona de casa desesperada, de luvas, pano e lixívia na mão para limpar tamanhas obras de arte. Eu usava lixívias, cremes de lixívia, todos os detergentes possíveis e imaginários que prometiam maravilhas mas que se ficavam pelas promessas. Até ao dia que aquela mágica esponjinha entrou cá em casa. Humedecia-a um pouquinho, passava-a na parede e puff... magia... tudo ficava limpinho sem manchas na parede.

E no redor dos interruptores da luz, é inevitável não haver marcas de dedos. Haja esponja mágica para resolver.

Marcas de graxa na parede, simples, esponja mágica e isso passa.

Tens o fogão com manchas de água, comida queimada? A esponja mágica faz magia.

Sabes os ténis que adoras, mas que como têm a sola branca passam a vida a ficar machados? Então, esponja mágica na sola e como por magia em segundos estão como novos.

A base do teu ferro está feia com manchas? Com esponja mágica ele ficará novamente limpo e brilhante sem estragar ou riscar a base do ferro.

Caixas herméticas com manchas nunca mais. Usa a esponjinha mágica e essas manchinhas desaparecem.

Como não precisam ser molhadas para limpar, podem também ser usadas para limpar equipamentos eletrónicos como o teclado do computador, ecrãs, comandos, etc.

E os salpicos do microondas? Põe fim à sujidade do microondas com esta mágia esponja. Também as manchas do vidro do forno são mais fáceis de limpar com a esponja mágica do que com qualquer f0aa5fd8a846302086582af28632ffdb.pngoutro detergente.

As manchas de calcário qeu aparecem nas torneiras também são aniquiladas com a esponja mágica.

Canetas permanentes deixam de ser permanentes à passagem da esponja mágica.

 

Estas são as utilidades que já descobri nesta incrível esponja. Também usam? Sabem mais algum truque ou sujidade imbatível que a esponja mágica vence?

Apesar de terem um preço acessível no supermercado, recentemente comprei através do Aliexpress um conjunto de 10 esponjas mágicas por menos de 1€. Baratinho, não?

É ou não a merlhor invenção de sempre? Claro que é.

 

 

  

 

Free images by pngtree.com

 

 

16
Abr18

Limpezas de Primavera🏡🌼


Ups! I have a home to care

e053011bf30312339f466413e08d32de.png

Free images by pngtree.com

 

Costumo fazê-las na semana que antevém a Páscoa. 

Vivo numa vila rural e por cá mantém-se a tradição da visita pascal. Então é hábito comum nesta altura fazerem-se limpezas gerais, ou para quem não liga à data, apenas as limpezas da Primavera.

Esta Primavera o sol ainda não convidou a limpezas, o tempo está feio, cinzento e de chuva. Prefiro aproveitar bons momentos em família ao redor da lareira. Dias de sol virão, outras datas para limpezas a fundo também.

Mas confesso que sinto falta de um dia de folga, com um belo dia de sol. Depois de deixar a filhota na escola, fazer play numa playlist do youtube e limpar ao som da música 🎶🎵🎤

Limpar ao som de música é outra coisa 

 

14
Abr18

Ups! Voltei a fazê-lo!


Ups! I have a home to care

Confesso, tenho um vício. Não consigo resistir a brincos e aneis. Tenho tantos que podia andar quase uns 2 meses a usar brincos e aneis sem os repetir. Óbvio que são bijuteria, nada de jóias verdadeiras (se bem que não me importava) 💎💍 tenho grandes e brilhantes para usar quando estou de folga e mais pequenos e discretos para usar no trabalho.

Eu tento não comprar mais, mas não resisto. Seja numa loja física ou loja online não consigo evitar e tenho sempre de espreitar a secção dos acessórios e tentar controlar-me, raramente consigo.

Como sabem na semana passada tivemos 2 aniversários cá em casa, 2 presentes para comprar. Na loja dei por mim, ainda antes de procurar o que quer que fosse para os presentes, na secção da bijuteria a escolher mais uns brincos. Quase que saio da loja só com os brincos. Estou na caixa para pagar quando me lembro... Ups! faltam os presentes. 

Prometo, foram os últimos, ou não...

Dentro de dias devo receber uns 10 pares de brincos tudo de grandes pechinchas online. Estou ansiosa por os juntar aos que já tenho.

 

Pág. 1/2

Sigam-me

Passatempos na Internet

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D